Titus Brandsma, carmelita, jornalista e mártir do nazismo, tem milagre reconhecido pelo papa

Papa às pessoas com deficiências: a Igreja ama vocês e precisa de vocês
25 de novembro de 2021
Santuário de Magdala faz conferências virtuais sobre são José no Advento
25 de novembro de 2021

Vaticano, 25 de nov, 2021 / 12:27 pm (ACI).- Um milagre atribuído a Titus Brandsma, frade carmelita opositor do nazismo morto no campo de concentração de Dachau, Alemanha, em 1942 foi reconhecido hoje, 25 de novembro, pelo papa Francisco.