Sentença para desconectar menina de 5 anos em coma é uma tragédia, lamentam pró-vidas

Padre não sabe o paradeiro de seus fiéis após ataque jihadista
8 de abril de 2021
Pontifícia Academia para a Vida elogia teólogo punido por João Paulo II
8 de abril de 2021

LONDRES, 8 de abr, 2021 / 07:00 am (ACI).- O grupo pró-vida Sociedade para a Proteção do Nascituro (SPUC, na sigla em inglês) qualificou como “tragédia” a sentença da Suprema Corte do Reino Unido que ordena desconectar o suporte vital de Pippa Knight, uma menina de 5 anos que está em coma há três anos, cuja mãe não deixou de lutar por seu direito à vida.